Rolim de Moura,
25°C

Rondônia
Dívidas de impostos de empresas rondonienses podem ser prorrogadas
A indicação Adelino Follador quer que o estado alivie a carga das empresas no momento de crise

Publicado 25/03/2020
A A
Foto: Marcos Figueira

O deputado Adelino Follador (DEM) disse na manhã desta terça-feira (24) que está preparando uma indicação ao Executivo Estadual autorizando o parcelamento e a prorrogação das dívidas das empresas rondonienses com o Estado, em especial em relação ao Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), nos mesmos termos autorizados pelo Governo Federal em relação ao Simples Nacional.

O parlamentar disse que já conversou com o secretário de Finanças (Sefin), Luis Fernando Pereira, a quem levou a situação dos empresários do Estado, que sem poder trabalhar estão fechando as portas de seus empreendimentos, ficando apenas com a responsabilidade de honrar os compromissos fiscais com o Estado. Ele disse que explicou ao secretário, que os empresários esperam do Governo a sensibilidade demonstrada pelo Governo Federal, e determine o parcelamento alguma outra medida de valor que facilite e prorrogue o prazo para pagamento dos tributos.

O titular da Sefin, segundo Follador, recebeu bem a indicação e manifestou todo apoio à iniciativa e firmou o compromisso de estudar e dar uma resposta o mais rápido possível para o assunto, demonstrando que o Governo tem conhecimento dos fatos e que dará uma solução que minimize o máximo os danos para todos.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Crise   Pandemia   Rondônia   ICMS   impostos   Simples Nacional   EMPRESAS   Dívidas  

Mais em Rondônia

Fique ligado!

Quer receber nossas notificações?