Rolim de Moura,
36°C

Máquinas agrícolas: exportações recuaram 18% em junho
Já no acumulado de janeiro a junho, de acordo com a entidade, os embarques foram 0,4% inferiores aos dos primeiros seis meses de 2019

Publicado 30/07/2020
A A

As exportações de máquinas agrícolas das empresas associadas à Abimaq foram 18,1% menores em junho na comparação com igual mês do ano passado. No acumulado de janeiro a junho, os embarques foram 0,4% inferiores aos dos primeiros seis meses de 2019.

O segmento de máquinas para a agricultura representou 11,1% das exportações de todas as associadas da entidade. “A dificuldade nas exportações de máquinas, potencializada pela desaceleração das economias mundiais, ocorre de forma generalizada nos diversos segmentos”, disse a entidade em seu relatório mensal.

As importações de máquinas para agricultura diminuíram de forma mais expressiva no mês passado, 35,7% na comparação anual. Considerando os desembarques no primeiro semestre de 2020, o recuo é de 28,4% em relação a igual intervalo do ano passado.

A Câmara Setorial de Máquinas e Implementos Agrícolas da Abimaq (CSMIA) reúne mais de 400 fabricantes de máquinas para o setor, incluindo maquinário para preparo do solo, plantio, trato cultural, colheita, pós-colheita, criação de animais (pecuária, avicultura,suinocultura, piscicultura etc), tratores, estruturas para armazenagem de grãos, peças e componentes.

Fonte: Canal Rural

Fique ligado!

Quer receber nossas notificações?