Rolim de Moura,
30°C

Laboratório de Geociência de Rondônia proporcionará mais eficácia no combate a crimes ambientais
O laboratório vai funcionar na Sedam Campus na estrada de Santo Antônio

Publicado 30/07/2020
A A

O Governo do Estado de Rondônia, por meio da Secretaria de Estado de Obras Pública (Seosp), realiza o acompanhamento da obra de construção do laboratório de geociência da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Ambiental (Sedam).

Com investimento de R$ 6,5 milhões,  recursos do Fundo Amazônia do Bndes, com contrapartida do governo do Estado de mais de R$ 279,4 mil. A obra proporcionará a todo o território de Rondônia grande eficácia no combate ao desmatamento, queimadas ilegais e também terá importante contribuição para a regularização fundiária.

Segundo o secretário da Sedam, Marcílio Lopes, o laboratório vai ajudar a intensificar ações efetivas de combate ao desmatamento e queimadas na Amazônia. “A construção desse laboratório é um importante avanço para o Estado no desenvolvimento ambiental e essa iniciativa tratá a solução para vários problemas de Rondônia. O trabalho será possível, graças ao empenho dos servidores e a um banco de dados geográfico moderno que servirá para supervisionar as regiões”.

O conselheiro do Tribunal de Contas do Estado, Benedito Alves, destacou a atuação do Governo de Rondônia pela preocupação nas causas ambientais. “Quero parabenizar o governador Marcos Rocha e sua equipe por esse novo marco histórico para Rondônia, que é o laboratório de geociência, laboratório esse que vai oportunizar uma ferramenta multifinalitária para o desenvolvimento econômico e sustentável do nosso Estado.

O secretário da Seosp, Erasmo Meireles, destacou a importância e parabenizou os responsáveis pela obra. “Esta obra é fruto de um sonho da união de todos para que tenhamos o pleno desenvolvimento do Estado de Rondônia”.

Fique ligado!

Quer receber nossas notificações?