Rolim de Moura,

CBF divulga calendário do futebol brasileiro para 2021: competições não param durante Copa América
Estaduais do próximo ano começam no dia 28 de fevereiro, apenas quatro dias após o desfecho do Brasileirão da Série A deste ano, que foi adiado por conta da pandemia de coronavírus

Por ge
Publicado 22/08/2020
A A

O calendário do futebol profissional brasileiro para a temporada de 2021 já está previamente preenchido. A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) divulgou, na noite de quarta-feira, as datas previstas para as competições nacionais e estaduais ao longo do próximo ano, com bola rolando de 28 de fevereiro a 5 de dezembro.

A principal novidade fica por conta da continuação de todas as séries do Campeonato Brasileiro e da Copa do Brasil mesmo em meio à disputa das eliminatórias da Copa do Mundo de 2022, no Catar, e da Copa América, que será realizada na Argentina e na Colômbia, a partir de junho.

Os campeonatos estaduais, por exemplo, começarão em 28 de fevereiro, com disputa em até 16 datas, mesmo número deste ano. Os times que atualmente disputam a Série A do Brasileiro não terão tempo de preparação para seus respectivos estaduais, já que o principal torneio nacional acaba em 24 de fevereiro, apenas quatro dias antes da primeira rodada dos estaduais de 2021.

Ainda de acordo com o documento da CBF, as competições estaduais acabam no dia 23 de maio. A Supercopa do Brasil, que voltou a ser disputada neste ano em jogo único, tem data prevista para 10 de março, mesmo dia em que se dá início à Copa do Brasil.

As eliminatórias para a Copa do Mundo do Catar terão dez datas divididas em cinco períodos, de 25 de março a 16 de novembro, sem, no entanto, haver choque de datas com as competições nacionais. A Copa América, no entanto, que vai ser disputada de 11 de junho a 11 de julho, ocorrerá simultaneamente com as principais competições do Brasil.

Por fim, todas as séries do Campeonato Brasileiro têm início previsto para o último fim de semana de maio: a Série B começa no dia 29, e as Séries A, C e D no dia 30. A elite do Brasileirão, inclusive, é a competição que finda o calendário nacional, no dia 5 de dezembro.

Três detalhes importantes que valem destaque:

- Contando com um controle da pandemia do novo coronavírus, o Campeonato Brasileiro (de todas as séries) e a Copa do Brasil voltam a acontecer nos períodos em que normalmente vinham acontecendo nos últimos anos;

- As datas das competições continentais: Recopa Sul-Americana, Copa Libertadores da América, e Copa Sul-Americana só serão divulgadas posteriormente pela Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol);

- A Copa do Nordeste, que não costuma estar no calendário previamente divulgado, mais uma vez, não se faz presente com as suas datas.

Calendário, competição por competição:
Estaduais (16 datas)
28 de fevereiro a 23 de maio

Supercopa do Brasil (jogo único entre o campeão brasileiro e o campeão da Copa do Brasil de 2020)
10 de março

Copa do Brasil (16 datas e oito fases)
10 de março a 27 de outubro

Eliminatórias (10 datas divididas em cinco períodos)
25 de março a 16 de novembro

Copa América (31 datas)
11 de junho a 11 de julho

Brasileirão Série A (38 datas)
30 de maio a 5 de dezembro

Brasileirão Série B (38 datas)
29 de maio a 27 de novembro

Brasileirão Série C (26 datas)
30 de maio a 21 de novembro

Brasileirão Série D (26 datas)
30 de maio a 14 de novembro

Fonte: ge