Rolim de Moura,

BÁRBARO: Pais são suspeitos de matar e enterrar bebê de cinco meses
Segundo delegado, casal alega que filho morreu de causas naturais e que o enterrou por 'medo' de ser acusado.

Publicado 29/08/2020
A A

Um casal, um homem de 21 anos e uma adolescente de 16, morador do Novo Gama, no Entorno do Distrito Federal, é suspeito de matar e enterra o próprio filho, um bebê de cinco meses.

Os suspeitos afirmaram à polícia que a criança teria morrido enquanto dormia. Com medo de serem acusados da morte do bebê, ambos o enterraram por conta própria.

O nome dos envolvidos não foi divulgado. De acordo com a polícia, o casal disse ter enterrado a vítima em um terreno baldio na cidade satélite Santa Maria, no Distrito Federal.

Os investigadores tomaram conhecimento do caso através de uma denúncia anônima. De acordo com a corporação, o bebê teria sido enterrado em março deste ano. Desde então, equipes de policiais civis e de bombeiros têm se mobilizado à procura do corpo da criança.

De acordo com o delegado Danilo Martins, responsável pela investigação, o casal é suspeito de ocultação de cadáver. Os policiais investigam se houve um homicídio ou se o bebê realmente morreu de causas naturais, como alegam os suspeitos.

“Eles são investigados. A investigação ainda está em andamento”, comentou Martins.

O corpo do bebê não tinha sido localizado até as 8h de sexta-feira (28). O casal também seguia em liberdade.

 

Fonte: G1 GO