Rolim de Moura,

China eleva em 30% compras do agronegócio brasileiro
De janeiro a agosto deste ano, o país asiático respondeu por mais de 30% do faturamento obtido com o embarque de produtos agrícolas

Publicado 14/09/2020
A A

De janeiro a agosto de 2020, a China contribuiu com o desempenho favorável das exportações do agronegócio brasileiro. O país asiático aumentou as compras de produtos agrícolas em 30,6% na comparação com o mesmo período do ano passado, destaca análise feita pela Cogo – Inteligência em Agronegócio.

De acordo com a Cogo, entre janeiro e agosto de 2020, as exportações do agronegócio somaram US$ 69,63 bilhões, crescimento de 8,3% em relação ao mesmo período em 2019 (US$ 64,31 bilhões). Do total do valor exportado, a China respondeu por 30,7% das vendas.

No acumulado do ano até agosto, as exportações do agronegócio brasileiro registram crescimento de 7,8% no faturamento. O resultado foi puxado pela expansão dos embarques de algodão (+140,7%); açúcar (+118,8%); arroz (+93,2%); carne suína (+73,4%); e soja em grãos (+24,6%).

Fonte: Canal Rural