Rolim de Moura,

Homem é preso após deixar amigo morrer afogado
Uma testemunha conta que gritou para o suspeito ajudar a vítima, que estava se afogando, mas o homem teria respondido “Ele já está morto”.

Publicado 20/11/2020
A A

Um homem de 28 anos, identificado apenas pela inicial [J.] foi preso na madrugada desta quinta-feira (19), por não ter socorrido um amigo, identificado apenas pela inicial [M.], que se afogou no Rio Paraguai, em Cáceres (225 km de Cuiabá). Uma testemunha conta que gritou para o rapaz ajudar a vítima, mas o suspeito teria respondido: “Ele já está morto”.

De acordo com informações da Polícia Militar, os dois estavam ingerindo bebida alcoólica desde o início da noite e decidiram tomar banho no rio. Outro homem viu o momento em que a vítima se afogou. Ele gritou para o suspeito, para que ele ajudasse o amigo, mas o homem teria se recusado.

Segundo a testemunha, o suspeito estava a quatro metros de distância da vítima, e gritava “ele já está morto” e não ajudou o amigo. Após a testemunha acionar o Corpo de Bombeiros, o suspeito tirou o corpo do rapaz da água e levou até a margem.

Os bombeiros chegaram ao local e já começaram as manobras de reanimação da vítima e o encaminharam para o Hospital Regional de Cáceres, mas o homem não resistiu.

Uma equipe da Polícia Militar foi acionada no local e levou o suspeito até a delegacia de Polícia Civil da cidade, que vai investigar o caso.

Fonte: Repórter MT