Rolim de Moura,

Vinicius, goleiro de Ariquemes de apenas 12 anos, recebe proposta para treinar no Ninho do Urubu

Publicado 06/01/2021
A A

O começo do ano 2021 para os amantes do futebol da cidade de Ariquemes não podia ser melhor, isso porque agora a cidade terá mais um representante no Ninho do Urubu ( Centro de Treinamento do Flamengo) trata-se  de um adolescente de apenas 12 anos que treina futebol desde os 6 anos de idade.

Conheça a história e a luta por trás desta grande conquista...

Vinicius começou na escolinha de futebol AARON aos 6 anos, na época, sua mãe Edileuza o matriculou para que ele pudesse brincar e gastar as energias, por causa da sua altura, Vini começou como zagueiro e por acaso, começou a brincar no gol, seus colegas e o professor gostaram de sua desenvoltura  e a partir de então ele começou a treinar e pegar gosto pelas traves  onde se destacou com boas defesas. Durante o tempo na escolinha, ele disputava torneios no qual era acompanhado pelos professores da escolinha na qual frequentava.

Quando o adolescente estava para completar 10 anos, o Sr Nilo o levou para Coritiba junto a outros 22 adolescentes, na época, Edilson, o professor da escolinha de futebol,  já vinha fazendo um trabalho diferenciado para que ele pudesse chegar onde está. A mãe do jovem goleiro nos conta que o levava para treinar uma hora antes para que ele se dedicasse ainda mais aos seus objetivos. Edileuza enfatiza que a decisão de deixa-lo ir não foi fácil, ela que sempre foi trabalhadeira se viu inclusive tendo que parcelar a passagem no cartão para que Vini continuasse em busca de seus sonhos, mas isso não seria obstáculo para uma mãe destemida, e ela conseguiu enviá-lo com os demais atletas, e a resposta para todo esse esforço veio com a aprovação do filho.

No ano 2019, após a aprovação, ela o acompanhou novamente, a equipe do Flamengo pediu para que Vini ficasse por mais duas semanas, com o coração apertado, mas sabendo que teria que tomar uma decisão acertada, Edileuza teve que retornar para seu trabalho em Ariquemes e Vini teve pela frente seu primeiro desafio, ficar sozinho treinando em um estado diferente. Assim que a equipe confirmou o interesse no jovem goleiro, e afirmando que ele teria que ficar definitivamente por lá,  Edileuza mudou completamente sua vida para estar próxima ao filho, não foi fácil, já que muitas decisões pesavam: a família, o trabalho, amigos e uma vida inteira na cidade de Ariquemes, mas a saudade de Vini naqueles dias era maior e ela queria estar com ele para apoiar nos estudos, nos treinos e ser  o  incentivo que ele precisasse nos dias difíceis.

Após meses de muita dedicação, e com o convite para Treinar no Ninho do Urubu, eles estão de mudança para o Rio de Janeiro, sempre com os pés no chão, mas completamente felizes e realizados por já terem chegado onde estão, assim eles buscam apoio na família para poder fazer essa mudança e lutar pelo grande sonho de se tornar um goleiro profissional.

A equipe do Plantão Esportivo torce por você Vini, você não é uma promessa, para muitos, principalmente para seus amigos do futebol que se espelham em você,  você já é a realização de um sonho que eles objetivam também, afinal, chegar onde está já é mérito seu e de todos que te apoiam e te apoiaram, e aos amigos empresários que tiraram um tempinho para ler essa matéria, entrem e contato e deixei seu apoio em forma de patrocínio, isso será muito importante, não só para ele, mas para outros adolescentes que tem o mesmo objetivo: Ser um grande jogador de Futebol.

Fique ligado!

Quer receber nossas notificações?